O PRAZER DE CONVIVER

Conviver significa “viver com” e tudo que nos rodeia faz parte da nossa convivência, as pessoas, a natureza, os animais, os objetos que nos cercam. Assim conviver é uma arte, a arte de viver.

As pessoas são diferentes e reagem diferentemente as situações de acordo com o que são. Elas podem liberar uma força propulsora que supera os desafios e conduz a vitória.  A energia que sai de uma palavra só chega ao outro com permissão deste e alimenta o que o contém. Se alimentar o bem ele cresce. É como uma corrente de elos que precisa do outro elo para manter-se contínua. Esse é o segredo do conviver e do bem viver.

O amor cura todas as feridas. O bem sempre vence.

O que nós levamos ao outro ao nosso lado? Somos um elo do bem?

Basta um olhar carinhoso, uma palavra amiga ou um cumprimento saudoso para bloquear as energias negativas e florir a boa convivência.

E como tratamos os animais, as plantas e tudo em nossa volta? Temos gratidão e respeito? Tratamos com carinho e cuidado essencial?

Cada um deles tem sua vida própria e sua função adequada para nos servir. E tudo que nos envolve emana uma energia que irradia em cadeia. São os elos e nós somos o centro gerador desta energia. Se irradiarmos pensamentos, sentimentos e palavras positivas, recebemos a mesma energia positiva.

É o amor agindo com a beleza interior que aflora e perpassa todas as coisas.

E conviver se torna uma experiência prazerosa e a vida gloriosa!

Texto do livro “REFLEXÕES a vida é preciosa”

Dra. Dulcinea Mattar: Cirurgiã dentista, professora e escritora. Membro da Academia Mineira de Odontologia cad. nº 3. Proprietária e dirigente do Hotel Geriátrico Residencial Harmonia. www.residencialharmoniabh.com.br 997989399 [email protected] 32810311.

Facebook Comments

Post a comment