O CORPO

O que é o nosso corpo?

Alguns filósofos julgaram responder a questão mente-corpo. Platão definiu a mente ou alma como “o piloto do navio” onde a alma guiava o corpo. Aristóteles definia o corpo como organon da alma, um instrumento para o seu aperfeiçoamento. Para eles a alma está acima do corpo.

Para Decartes a alma é guia do corpo, ela está fora do corpo.

Espinosa diz que alma e corpo são um só e que juntos permitem-nos experienciar todas as coisas, somos parte de Deus.

Não importam as definições, o que realmente importa é que somos um corpo pensante, cheio de sentimentos e reações aos diversos estímulos a que estamos expostos.

O que pode o nosso corpo? Inúmeros relatos chegam a nós, surpresos com tamanho poder de realização. Há relatos de uma mãe que levantou um ônibus para salvar o filho, de curas inexplicáveis de doenças mortais, de reações adversas a sentimentos negativos. E o maior milagre do corpo ao gerar uma nova vida onde coexistem dois corações, duas almas.

O fato é que nosso corpo fala por nós e não estamos acostumados a ouvi-lo. Ele nos permite experienciar a vida e saboreá-la intensamente. Faz parte da Natureza em evolução.  Perceber essa linguagem é aprender a harmonia da vida. Platão fala “A PRIMEIRA E A MELHOR VITORIA É CONQUISTAR A SI MESMO”. E para isso o corpo é o primeiro movimento. É um conjunto de biologia genética, influencias culturais, sociais, ambientais que marcam experiências conhecidas e desconhecidas, traçam a história e termina com a finitude.

O que podemos fazer é trazer esmero cuidado ao corpo. E alimentos para a alma (pensamentos, palavras e sentimentos positivos). Parar, observar, sentir, refletir e deixar acontecer.  Estamos vivendo uma metamorfose pela desconstrução de nós mesmos. Os egos inflados darão lugar ao ser integral e unificado com a Verdade Universal. E o amor é a premissa maior que nos direciona o caminho pela compaixão. E o corpo agradece.

Texto do livro “SENSIBILIDADE’.

Dra. Dulcinea Mattar: 997989399. [email protected]

Facebook Comments

Post a comment