FAÇA A ESCOLHA

No livro O PEQUENO PRINCIPE Exupery disse que “o essencial é invisível para os olhos, só se vê bem com o coração”. As aparências enganam dizem os sábios e vemos aquilo que nos contém. Nosso coração dita os caminhos e as encruzilhadas existem para escolhas amorosas que conduzem ao bem.

Conta a lenda que um artista queria desenhar o rosto de Jesus Cristo. Procurou muito tempo até que encontrou um belo rosto iluminado que representasse Jesus. Foi um sucesso. Realmente a pessoa escolhida refletia a luz do amor e do bem e a pureza dos olhos emanavam a bondade de Jesus.

Muitos anos se passaram. Com a fama, foi solicitado ao artista que, na sua obra incluísse o retrato do diabo. Este aceitou o desafio e começou a procurar por um rosto que representasse o diabo.

Por anos a busca foi em vão. Nenhum rosto chegava a representar tal perversidade. Um dia, numa vila da Itália encontrou um mendigo na rua que tinha o olhar do mal e emanava o desprezo pela vida. O cheiro da energia maligna o acompanhava. O artista explicou o desejo do desenho do diabo e o mendigo aceitou.

Iniciou-se o trabalho e o mendigo diabo permanecia sempre em silencio e reflexão.

Terminada a obra prima o diabo começou a chorar. Perguntado sobre o motivo do choro respondeu em tom triste:

– Muitos anos atrás você me procurou para um desenho. Eu sou o mesmo que você desenhou o rosto de Jesus! E continuou em prantos.

Todos nós temos dentro de nós o Bem e o Mal.

Faça a escolha…

Texto do livro SENSIBILIDADE

Dra. Dulcinea Mattar: Professora, escritora, cirurgiã dentista, especialista em Gerontologia Social, Odontogeriatria e Saúde Coletiva. Membro da Academia de Mineira de Odontologia cad. nº3. Proprietária e dirigente o HOTEL GERIÁTRICO RESIDENCIAL HARMONIA. (31) 997989399www.residencialharmoniabh.com.br [email protected].

Facebook Comments

Post a comment